2009/09/22

UM PROGRAMA DE CILADAS

Nunca julguei que, para ganhar umas eleições, um qualquer partido
fosse capaz de trocar o seu Programa de Governo por um Programa
de Enredos, de Mexericos, de Ciladas, de Ardis e de Conspirações...
O PSD, pela mão da Velha Senhora, editou o seu Programa numa
simples folha A-4, e todos nós ficámos a pensar como poderia o PSD
ganhar as eleições com aquele rol de ideias paupérrimas e sem norte.
"Não é preciso mais para ganhar a Sócrates", diziam alguns oráculos.
"Ele (Sócrates) deixa o país numa situação económica de tal ordem
que Manuela Ferreira Leite, com o seu carisma e seriedade, ganha
as eleições à vontade" -- afirmavam outros analistas da nossa praça.

Agora, que Cavaco Silva despediu o seu conselheiro Lima, tudo
se torna mais claro. A tramóia urdida contra José Sócrates e o PS,
foi preparada ao milímetro. A partir do momento em que a "má
moeda" foi arredada do poder dentro do PSD, e a Velha Senhora
foi empossada como presidenta do partido, Cavaco Silva entrou em
colisão com o Governo de José Sócrates. Súbitamente no verão de
2008 Cavaco Silva interrompe as suas férias para falar ao país, e
todos nós ficámos perpelexos com a sua atitude. Que estaria a
acontecer de tão grave para o PR vir de Boliqueime a Belém falar
ao país? Cavaco Silva afrontou o Governo por causa do Estatuto dos
Açores, aprovado por maioria na Assembleia da República...
A partir daí, a "cooperação estratégica" com Sócrates, acabava.

O PSD dirigido por Ferreira Leite agradava a Cavaco Silva. Este
sonhava com o remake do cavaquismo: um presidente e um
governo cavaquista. A partir daquela data os estrategas do PSD
passaram a contar com Belém. E Belém começou a urdir uma teia
de suspeições, por forma a ajudar a Velha Senhora. Ela seria apoiada
pelos conselheiros de Belém, e apenas deveria seguir o caminho da
"asfixia democrática", marcado por etapas, desde a contestação dos
professores, dos militares, dos magistrados, dos enfermeiros, até
à compra da TVI pela PT e pela demissão de Moniz e sua generala.
Tudo para servir a "asfixia" sentida pela Velha Senhora. Mas esta
encenação ruiu por falta de "seriedade", frase tão cara à aspirante
a Dama de Ferro portuguesa. O Watergate de Belém implodiu,
antes das eleições, e agora a Velha Senhora e os cavaquistas que
a rodeiam estão todos orfãos. Já se sentem nus, na praça pública.

A ex-funcionária do Santander Totta poderá ficar desempregada.

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial